Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
UBSs de Itapeva reforçam agendamentos de exames de Câncer de Mama

As 23 unidades básicas de saúde do município estão disponíveis para agendamento desses exames o ano todo, contudo, no mês de Outubro, foi realizado um reforço para salientar importância da prevenção ao câncer feminino. Para aquelas mulheres que tem dificuldade em comparecer ao serviço de saúde em dias de semana, no dia 20/10/18 (SÁBADO), todas as unidades de saúde estarão abertas das 8 às 17h para realização da Campanha.

Segunda a Secretaria de Saúde, as mulheres itapevenses, munidas de identidade e cartão SUS, devem procurar a sua unidade de saúde de referência e agendar uma consulta com a enfermeira, que coletará o Papanicolaou e solicitará uma mamografia, caso a paciente esteja dentro dos critérios de risco.

Saiba mais sobre o Outubro Rosa:

Na década de 1990, nasce o movimento conhecido como Outubro Rosa, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

A data se popularizou e aproveitamos o momento para falar de outro câncer muito comum entre as mulheres: o câncer de colo de útero.

O Ministério da Saúde recomenda a realização do exame de mamografia de rastreamento para mulheres de 50 a 69 anos a cada dois anos e o exame clínico das mamas seja realizado anualmente. O município de Itapeva, utilizando-se da Lei n° 11.664/2010, estendeu essa idade para mulheres a partir de 40 anos. Para as mulheres de alto risco, isto é, que apresentem histórico familiar de primeiro grau de câncer de mama antes dos 50 anos (mãe, irmãs) devem realizar o exame a partir dos 35 anos.

A coleta de citopatológico ("Papanicolaou") pode ser realizada por qualquer mulher a partir do início da atividade sexual, no entanto, mulheres entre 25 e 64 anos são o público alvo da Campanha por apresentarem os maiores riscos. Recomenda-se a realização do exame anualmente.

 

Data: 02-10-2018 16:15:30